sexta-feira, junho 13, 2008

Fernando Pessoa - 120 anos


"Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes mas, não esqueço de que minha vida é a maior empresa do mundo, e posso evitar que ela vá à falência.

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise. Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.

É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.

É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida. Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um "não". É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

Pedras no caminho?

Guardo-as todas: ...um dia... VOU CONSTRUIR UM CASTELO..."

13 comentários:

Kalinka disse...

Isto é que foi transmissão de pensamentos...há 2 dias que procuro um tema para postar e, este passou-me mesmo debaixo do meu nariz...pensei:
Fernando Pessoa - óptimo!!!
Mas,
não tive disponibilidade para o fazer e agora chego aqui e, que vejo?
Isso mesmo - uma homenagem aos 120 anos de Fernando Pessoa.
Bonito.

Beijinhos.

Bubulindo disse...

A ultima frase está incompleta...

Vou construir um castelo e com uma visão periférica melhor vou usar as restantes pedras para atingir os meus adversários.

Isto prova que para além de génio literário, Fernando Pessoa dominava a arte da guerra. Provavelmente após ter lido os ensinamentos de Sun-Tzu. ;)

LOLOL

Diz lá, eu podia dar em historiador da treta não podia? :D

Luis Eme disse...

bonito... é Pessoa...

beijinho Pikena

Silvia Madureira disse...

Inscrevi-me no bookcrossing...agora ando à deriva.

Onde devo ir para encontrar livros...a que página especificamente?

beijo

Zé Povinho disse...

Sem o génio de Pessoa também eu vou guardando muitas pedras que me atiram, gente que nunca soube assumir qualquer responsabilidade na vida. Não darão para construir um castelo, mas, quem sabe, um cantinho acolhedor onde possa passar o resto dos meus dias.
Abraço do Zé

Hermínia Nadais disse...

Lindo... toca bem fundo. Pedras para fazer castelos... tenho tantas! Passo a vida a tentar passar-lhes ao lado... e a tropeçar nelas.
Bjitos, miguinha! Força!

Mãe e filho disse...

grande sabio,este homem. adoo essa frase- as pedras que me jogam, eu guardo-as todas. um dia construirei um castelo. lindo. bjs prima

Pedro disse...

Fernando Pessoa é dos meus poetas preferidos, se não o melhor!

Belas palavras, pena que este português seja lembrado mas não possa fazer nada para mudar-nos!

Ferncarvalho disse...

Adoro esse texto!
Fernando Pessoa é sem dúvida um dos meus poetas favoritos.

Beijocas

Ana Ataíde disse...

Tocante e excelente para pensar a cada dia. Poemas deveriam ser vividos, criados, mudados... enfim se escrevessemos mais não tropeçavamos.Ana Ataíde

leonor disse...

Não leves a mal mas já foi desmentido que esse texto seja de Fernando Pessoa. Beijocas

pikenatonta disse...

Obrigada a todos pelos comentários!!!

Ana Ataíde: Obrigada pela visita e pelo comentário. Volta sempre!!

Leonor: Não, não levo nada a mal... Mas não fazia ideia disso!!! Que cena... :/ Ups... :/

Anónimo disse...

Obrigada por esta passagem! Obrigada mesmo! (Seja ela de quem for...)

malmequer BC