sábado, abril 01, 2006

Vendidas de Zana Muhsen

"Filhas de pai iemenita e mão britânica, Zana e Nadia viviam em Inglaterra. Um dia, após o início daquilo que pensavam ser umas férias de sonho, viram-se casadas à força numa aldeia perdida do Iémen, onde vieram a sofrer toda a casta de violências e humilhações. Após oito anos de luta, Zana conseguiu fugir. Mas Nadia, a sua filha e um sobrinho continuam ainda prisioneiros... Zana e a mãe juraram a si próprias fazê-los sair do Iémen. E Zana descreve neste livro a sua história e o combate que tem travado em prol da libertação da irmã. Vendidas! é um documento de excepcional importância sobre uma das práticas mais aberrantes do mundo contemporâneo. A sua leitura, muitas vezes chocante, permite descobrir a realidade que se oculta por detrás da fachada pretensamente civilizada de alguns países e de algumas culturas."

Haveria muito a dizer acerca deste livro, mas não há palavras que consigam exprimir o que sentimos ao lê-lo. Por isso se ainda não conhecem a história de Zana e Nadia Muhsen, aconselho-vos vivamente a ler este livro. Deixo aqui 2 fotos, uma de Nadia e Zana com 14 e 15 anos respectivamente, e uma foto de Nadia com a sua filha Tina. Vejam também o site com mais fotos e onde poderão ajudar a Nadia: http://web.infiniweb.ca/nadia/a-index.phtml

EDIT 3 Junho 2007: O link que coloquei já não funciona, penso que o que o substitui é este: http://membres.lycos.fr/nadia1/A-nadial.htm




49 comentários:

Keia disse...

A tua descrição fez-me lembrar um livro que li há cerca de ano e meio... "Queimada Viva", que conta a história inacreditável de Souad...

Fiquei com vontade de ler... São realidades chocantes e revoltantes, mas que nos fazem, por um lado, valorizar aquilo que temos... E por outro, ter consciência do quanto o mundo pode ser cruel... Tradicional e culturalmente cruel... :S

beijinhos pra ti!!

pikenatonta disse...

RE Keia: Pois, esse livro marcou-me também... Aconselho a todos a lerem também.
Beijocas para ti miga!

bethz disse...

Essa leitura aumentou minha responsabilidade de continuar e intensificar minha luta contra todo tipo de injustiça e violência.
Seja ela física, emocional ou cultural.
Não deve ser a luta de Zana apenas - mas de todos os seres humanos em favor da humanidade, da justiça e do respeito!
Uma brasileira a favor da Vida!

Susana Machado disse...

todos os livros que foram escritos a este respeito, eu comprei. o meu desejo sinceroi é que nadia consiga fugir do inferno, um dia.
Zana... Parabéns pela coragem!!!!!!!!!
Nadia...Coragem para tentar regressar!!!!!!!
A todas as pessoas que lerem este comentário... Leiam os três livros referentes a esta história! Vale a pena! É uma lição de vida!

pikenatonta disse...

RE Bethz: Estou completamente de acordo contigo. Espero que muitas mais pessoas tenham o mesmo pensamento. Obrigada pela visita! :)

pikenatonta disse...

RE Susana Machado: Sim, Susana, vale a pena ler esses livros! E também espero que a Nadia consiga regressar um dia... :)

vanessa disse...

eu li a tua historia e nao ha muito tempo!axie chocante o que o vosso pai vos fez!!!eu so tenho 15 anos e nao me imagino numa situaçao dessas.gostava de saber se a sua irmã conseguiu sair de la!!
muitas felicidades

pikenatonta disse...

RE Vanessa: Olá Vanessa!
Esta não é a minha história. É história de Nádia e Zana, e eu coloquei aqui a falar delas!
Beijinhos!

Susana Gonçalves disse...

Li o livro, e é otimo. Mas eu realmente gostaria de saber: e Nadia? Ela ficou no Iémen, prisioneira de uma cultura que não é a sua, casada com um marido de quem não gosta, separada da sua familia. Soube que Zana escreveu outro livro - Uma promessa a Nadia - pois o dinheiro ganho com o 1º foi desviado por pessoas interesseiras, e naturalmente sem coração. Vou comprar o 2º e ler tão rapidamente quanto li Vendidas!, mas a minha questão perdura: se Nadia não foi liberta, a situação ficará assim? Irá ela morrer naquele fim de mundo? Onde estão as pessoas influentes e de dinheiro nesta hora? Não se poderia fazer uma campanha?

pikenatonta disse...

RE Susana Gonçalves: Olá Susana! Já li ambos os livros: Vendidas e Uma Promessa a Nadia, e é revoltante... Notícias da Nadia?? Gostava muito de saber novidades, mas parece que nunca mais se soube nada deste assunto... :((

susana gonçalves disse...

Eu estou a terminar o 2º livro. É revoltante pensar que nada tenha sido feito pelos governos e que a pobre da mulher tenha ficado para sempre no Iémen. Será que ainda lá está? Realmente gostava muito de saber que fim levou isso tudo =/
Procurei pela net mas tudo que achei são sobre os dois livros, nada que indique um final feliz para essa história horrenda.

susana gonçalves disse...

Uma pergunta...pq o link dado ali em cima de um site com mais fotos está a dar erro? Mudou de endereço?

pikenatonta disse...

RE Susana Gonçalves: Olá! Tal como tu na altura em que li os livros também fiz pesquisas na net, e não se fala de nada dela... :(
Quanto ao link, pois é, já não funciona... é antigo mesmo...

Experimenta: http://membres.lycos.fr/nadia1/A-nadial.htm

Beijinhos!!

Susana Gonçalves disse...

Ah, obrigada pelo site...parece que de lá podemos ajudar baixando um software e de outras ormas, mas infelizmente não têm novas noticias a mais de um ano =/
Vou comprar agora o livro da mãe da Zana, Sem Piedade.

Anónimo disse...

Li os dois livros e, claro, fiquei bastante chocada.Esta realidade é demasiado chocante e atroz e muito triste.Sem dúvida que admiro muito a coragem destas irmas, especialmente de Zana, que se viu obrigada a deixar o filho pequeno e a sua irmã.Só mesmo num país tão retrógrado.
Tenho muita curiosidade de saber se entretanto já houve algum desenvolvimento na história, o que aconteceu a Nádia e ao filho de Zana? Alguém me sabe dizer?

pikenatonta disse...

RE Susana Gonçalves: De nada, ainda bem que avisaste que o outro link já não funcionava! :)

***

pikenatonta disse...

RE Anónimo: É muito triste ler os livros sim... Ficamos com aquela sensação de impotência pois queremos fazer algo pela Nadia. E nunca mais se soube notícias de nada infelizmente... :(

Anónimo disse...

bem eu li o 1º livro de Zana, e fiquei muito emocionada com a sua historia, isto é pura e cruel realidade, ficamos tristes por nao conseguirmos fazer nada. como as outras pessoas e Zana, gostava que se fizesse justiça, tirar nadia daquele maldito sitio.
Gostava mesmo de saber se a historia delas já evoluiu, se nadia já foi libertada daquele horror... :(

pikenatonta disse...

RE anónimo: Também gostava de saber novidades, mas parece que nunca mais se soube de nada... :(

Cadija Balde disse...

Eu li Vendidas e acabei ontem de ler promnessa a Nadia, adorei a maneira que o l ivro esta escrito gostaria de saber se Nadia finalmente foi libertada do Imen. Desejo-vos boa sorte!

Cadija Balde disse...

Eu li Vendidas e acabei ontem de ler promnessa a Nadia, adorei a maneira que o l ivro esta escrito gostaria de saber se Nadia finalmente foi libertada do Imen. Desejo-vos boa sorte!

pikenatonta disse...

RE Cadija balde: Olá e obrigada pelo comentário! Muita gente aguarda por mais notícias de Nádia, mas parece que nunca mais se soube de nada... **

Soraya disse...

Li o livro há pouco tempo e fiquei impressionada, escandalizada e triste por saber que nada ou pouco se pode fazer por elas. Tenho a mesma idade que elas tinham quando foram vendidas, violadas, humilhadas... Aconselho vivamente que leiam. É lamentavel que em pleno século XXI ainda haja deste tipo de coisas...

pikenatonta disse...

RE Soraya: Obrigada pela visita e pelo comentário!! Espero, tal como muita gente, saber notícias de Nadia um dia destes...

Anónimo disse...

Já tinha lido o livro "Vendidas" faz algum tempo e acabei precisamente agora de ler o "Sem piedade" de Miriam Ali, mãe de Nádia. Iniciei imediatamente uma pesquisa na internet tentando saber novidades sobre Nádia. Pelo que consegui perceber, já não se sabe nada faz algum tempo. Simplesmente adorei o livro, fez-me chorar, fez-me ficar profundamente indignado e enfurecido com este tipo de situações e com o facto de aparentemente nada se puder fazer para as resolver.

Anónimo disse...

Olá... Li o livro á pouco tempo e fiquei miuto revoltada e impressionada com o que li, pois tenho a mesma idade que elas tinham quando foram vendidas e acho inacreditável como é que em pleno séc.xxi ainda existe tanta discriminação ás mulheres. Lamento não puder ajudar e gostava muito de saber noticias sobre a Nadia Bjx

Anónimo disse...

Eu estou chocada, acabei á menos de 1h de ler o livro "Vendidas"! vou comprar os outros dois o mais rapido possivel!Gostava que houvesse 1 final feliz para Nadia e os seus filhos e tambem para o filho de zana!

pikenatonta disse...

RE: Obrigada a todos e todas que aqui passam e comentam! Fico contente ao menos pela divulgação desta infeliz situação de Nadia... Está complicado é saber novas notícias... :(

didinha disse...

ola!!!!sou ainda uma preadolescente e ja acabei de ler u teu livro!!vendidas!!! é um livro que me apaixonou!!!adorei...agora estou a espera de ter o :Uma promessa a Nadia!! porque quero saber se ele conseguiu ou nao sair daquele maldito pais que vos aturmentou a vida!!!!!!foi presisu muita curagem!!o que axu que eu nao conseguia!!era muito duloroso!!!o que mais me chocou foi esta historia ter acontecido de verdade!!!a minha mae tanbem ja leu o livro e dis que esse livro lhe inerva por causa du que o vosso pai vos ves mas ela tanbem adorou u livro!!como eu nao vou descansar enquanto nao ler uma promessa a Nadia!!!tenhu muita pena por ela ter ficado la sosinha com os 5 filhos!!olha parabens pelo livro e pela tua força!!
beijos!!

pikenatonta disse...

Didinha: Obrigada pelo comentário mas este livro não é meu, eu apenas falo dele pois também o li! :)
Beijinhos!

Anónimo disse...

-.-'

sabrina disse...

Ola.

eu ja li esse livro umas 4 xs em porugues e 6xs em alemao.

é dos meus livros preferidos.
tenho uma raiva contra abdul khada, nem te passa. esse tipo de homen deviam ir para a prisao. mas na cultura deles, isto passa se a todos os segundos, e é algo completamente normal.
esse tipo de culturas sao tao retrogadas, k nem valiam a pena existir.

Anónimo disse...

ola!!!!!!!!!
tou muito chocada. acabei de ler "vendidas"por volta das 3 da manha e fikei muito revoltada, triste, senti-me impotente por nao poder fazer nada-arrependi me da leitura. por outro lado, ganhei muito, nessa mesma hora, mandei uma mensagem ao meu noivo (que é muçulmano) agradecendo-o por me fazer tao feliz, por ser meu amigo, companheiro e senti-me egoista pk a zana e nadia nao puderam usufruir deste sentimento tao puro "O Amor"

Vou hoje mesmo compra os dois livros a seguir...parabens pela iniciativa da pagina ta

valedapedra disse...

Olá Tânia,

Acabei o livro "Vendidas" ontem e hoje vim fazer uma pesquisa na net para saber o que aconteceu à Nadia, aos seus filhos e ao Marcus.

Também fiquei comovida e revoltada por saber que ainda se consideram as pessoas como coisas, pelo que podem ser vendidas e tratadas de uma maneira qualquer.

marta disse...

tb acabei de ler alg sabe alguma coisa de hoje em dia?
n consegui pesquisar nada
keria tanto saber

Anónimo disse...

Apenas li o livro promessa Nadia e, nao consigo pensar, de forma lucida.Estamos em que seculo,quem somos que queremos e mais importante , que nos importa?!?!?
E dificil nao ficar chocado e revoltado com esta historia, mas depois, que fazemos... como podemos ajudar.
A sensaçao de impotencia que nos asaltaé de tal forma violenta que da vontade de gritar LIBERTEM A NADIA

Anónimo disse...

Ola
Neste site afirmam que Nadia já está no UK com os seus filhos e marido.
Que BOA NOTICIA!
Como a todos voces, uma historia que me tocou/revoltou imenso!

pikenatonta disse...

Qual site?

Obrigada a todos pelos comentários!!

Anónimo disse...

bem pouko tenho a dixer sobre o xoke e as lagrimas ke exta livro me fex, contiu-o chocada ja o li 26 vexex e tornarei a ler mais 26. sou mae de 5 filhs o kual agradeco a deus todos os dias os ter por perto e a minha familia vejo a vida de maneira diferente desde a leitura ndidas a liberdade e uma coisa cinceramente boa ke muitas estao privadas, o meu marido e nepales e tamvem ele kuando leu este livro ele proprio se chocou porke no pais dele nada e assim apesar de estar tao perto desses paizes i komo hoje em dia ainda privam as mulheres de tanta coisa e princpalmente do dito de decidir sobre elas propriasstaria muito de contactar com a zana pres-lhe os meus sinceros parabens pela forca coragem e dixer-lhe ke tos lutamos pela irma dela em coracao e pensamento. espero ke toda a de o seu resultado e ke nadia volte pararto da sua mae e irma com os seus filhos e principalmente com marcus ke tambem foi privado de poder crescer com cultura e perto de ae zana. e com carinho ke deixo esta mensagem para todas akelaske vivem ou viveram dramas parexidos e ke tenham coragem para se faxer ouvir e nue calar as nexexidades dos HOMENS que as manteem excravas. lute komo zana e tambem komo souad e um livro ke li, intitulado queimada viva. um beijo para todos

Anónimo disse...

Li o livro e claro fiquei com a alma devassada. Durante meses acendi velas para a Nádia. Até hámuito poucotempo, mormente as tentativas, ninguém tinha conseguido resgatar a Nádia. É caso para dizer que se houve petróleo no Iémen, iam todos "salvar a Nádia". Não tem piada nenhuma, mas é a mais pura das minhas convicções.... :-((

Anónimo disse...

Ainda não percebi como é que um pai que vive na europa vende uma filha e não é preso.
Tambem não percebo qual é a diferença entre a Madeleine Mccann e a Nadia ,ambas inglesas mas só procuram uma delas e sabem onde está a outra e nada fazem.
porque será ? talvez hipocrisia inglesa.

Sininho disse...

Li este livro há alguns anos... e marcou a minha vida! Passei a valorizar mais aquilo que tenho... a vida que posso escolher, simplesmente por SER LIVRE!

catia disse...

oi...
eu li dois dos teus livros o vendidas e a promessa a Nadia...
eu acho que o que o teu pai te fez foi muito mau.. eu quando era pequenina o meu tanbem me tentou vender max a policia chegou a tempo pa me salvar... tenho pena que a tua irma tenha la ficado...
expero que um dia a voxa familia exteja toda junta e feliz como eram antes de isso acontecer... bjx

rute disse...

oi, eu adoro ler livros de historia veridicas e já li os livros todos sobre Zana e Nadia, o queimada viva e muitos outros com histórias destas. Neste momento estou a acabar de ler o A minha dor tem o teu nome de Hanife Gashi e é sobre um pai que mata a propria filha em nome da honra. Vale a pena. É incrivel como isto acontece em pleno séc XXI. Em relação a Nádia, é pena mas as autoridades da europa nada podem fazer para a salvar porque estariam a invadir o país e ultrapassar as leis deles. adorei o teu blog. Sorte na vida e felicidade. beijo. Já agora tambem tenho um blog: http://nailsrute.blogspot.com :)

disa disse...

A片下載,成人影城,愛情公寓,情色貼圖,情色,色情網站,色情遊戲,色情小說,情色文學,色情,aio交友愛情館,色情影片,臺灣情色網,寄情築園小遊戲,情色論壇,嘟嘟情人色網,情色視訊,愛情小說,言情小說,一葉情貼圖片區,情趣用品,情趣,色情漫畫,情色網,情色a片,情色遊戲,85cc成人片,嘟嘟成人網,成人網站,18成人,成人影片,成人交友網,成人貼圖,成人圖片區,成人圖片,成人文章,成人小說,成人光碟,微風成人區,免費成人影片,成人漫畫,成人文學,成人遊戲,成人電影,成人論壇,成人,做愛,aio,情色小說,ut聊天室,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,尋夢園聊天室,080視訊聊天室,免費視訊聊天,哈啦聊天室,視訊聊天,080聊天室,080苗栗人聊天室,6k聊天室,視訊聊天室,成人聊天室,中部人聊天室,免費視訊,視訊交友,視訊美女,視訊做愛,正妹牆,美女交友,玩美女人,美女,美女寫真,美女遊戲,hi5,hilive,hi5 tv,a383,微風論壇,微風

Anónimo disse...

boa noite..


nao tinha noção que tan´ta gente tivesse lido um dos livros que me tocou imenso , me fez pensar na sorte que tive...

este livro é incrivel... convido vivamente a muitos adultos e jovens a ler,,,



espero que nadia consiga fugir daquele mundo que nao é o dela...


que cnsiga sair de la com os seus filhos e o menino de zana...


merecem ser muito mas muito felizes...


parabens a zana que teve uma tremenda coragem que teve para conseguir ultapassar tudo aquilo que passou...


caras amigas espero que este blog continue...


para que pessoas tal como eu se possam exprimir o que pensam sobre estes temas ..

nanda disse...

olá,admiro a vossa coragem só ontem por um acaso li os livros que me indicaram serem muito bons, e fiquei chocada, mas compreendo a atitude de Nádia eu no seu lugar faria a mesma coisa nunca conseguiria abandonar um filho preferia a morte, já tive essa escolha e foi a que fiz por sorte ainda aqui estou, mas também entendo a dor de Zana não sei como consegue viver,sem o filho e a irmá nesta situação, não há palavras.beijos força coragem, mandem noticias

Sininho disse...

Como é que ela consegue viver sem o filho??? Eu sou mãe... mas de uma relação onde existe amor! E a minha filha foi fruto dele!
A opção dela foi tomada no sentido de recuperar a sua vida... aquela que lhe roubaram a ela e á irmã! Se ficassem lá as duas, nunca seria possível mudar nada! E, por mais que ela ame o filho, não se esquece que é o fruto de uma violação cruel e bárbara!

Luísa Ribeiro disse...

Falam aqui em 3 livros....eu li 2, o segundo foi escrito pela própria mãe se não estou errada.
Se estiver sabem me dizer como se chama o 3º....esta historia partiu-me o coração...

Obrigada